SlideBar

quarta-feira, 11 de novembro de 2015

Minha Primeira Horta - Como tudo começou...

Uma nova paixão cresce dentro de mim, a natureza cada dia floresce em meu coração! Há brotos, algumas flores, é tudo de bom. E eu quero isso não apenas dentro de meu ser, mas também por fora... e assim um sonho que tenho desde pequena saiu do mundo das ideias e tomou forma.

Sempre sonhei em viver em um local cheio de natureza, flores, árvores, hortinhas, pássaros... Amo estas coisas, são viciantes e acalmam. E na minha atual casa há muito espaço "mofando", muito terreno disponível que eu acreditava ser infértil pois nunca foi adubado e era cheio de mato.

Erva daninha... será? rss

Acontece que os matos na verdade não eram "matos"... sim eram, mas não ervas daninhas, ao qual eram considerados. Quando eu descobri a existência das PANCS (plantas alimentícias não convencionais) e que muitas de minhas "ervas daninhas" eram na verdade PANCS... huhuhu pulei de alegria.

Erva-de-santa-maria

Buva

Provavelmente Brilhantina

Provavelmente Trapoeraba
As que estão com provavelmente na legenda é porque eu não tenho certeza ainda, preciso confirmar com mais detalhes!

No mesmo dia fiz minha composteira para alimentar minha terra "infértil", que não é tão infértil assim. Afinal se tem "mato" tem nutrientes. Além de que as próprias PANCS dão nutrientes para o solo, então este solo vai muito bem, obrigado, rss.

Minha Composteira de chão


Vou relatar aos poucos o progresso da minha primeira horta!

Aqui deixarei as fotos de onde tudo começou. Acho isso muito importante para futuramente ver o tamanho do progresso! Abaixo estão as fotos do meu terreno (para muitos quintal, rss) antes de tudo começar.

Meu pé de Goiaba no centro da foto, e o de Acerola na direita.

Muito espaço sem graça, rss.

A bagunça... a única coisa legal é a cerca, haha

Faltando afofar a terra e tirar os entulhos

Espero que um dia esta borda esteja cheia de flores!

Essas foram as fotos do antes, ou seja, antes de começar a mexer no terreno para o plantio.

Até o momento já plantei sementes de girassol germinada, deixei algumas cenouras para brotar e estou com umas sementes de maçã germinando na geladeira... Agora estou pensando no que mais plantar conforme a época, a família da planta e se é perene ou não. Quanto maior a diversidade, melhor para o solo!

Cenouras na água para germinar
E o primeiro dia da hortinha! Feinha, sem graça, rss... eu sei. Bom, aguardo com carinho o momento que minha horta selvagem estará viva, colorida e poderei degustá-la.

Terra afofada e girassóis plantados no centro do canteiro

Falando em degustar... uma de minhas PANCS é o Caruru. Os Senhores Caruru me forneceram suas folhas (não mexi no caule ou espiga) para experimentar. Fiz refogado (ou frito) em um fio de óleo com alho e banana. Não adicionei tempero algum, nem sal, mas uma pimentinha ia bem! Reguei com azeite de oliva depois de pronto e me servi com torradinhas.

Meus Senhores Caruru

Caruru ao alho e banana fritos

Caruru é muito gostosinho e nutritivo. Na verdade o seu sabor é bem suave, ao contrário de outras "folhas" amargosas que já comi, como a couve, rúcula, etc. Na próxima vou misturar no arroz, ou na proteína de soja... hmmm!

Isto é tudo por enquanto! Com o decorrer dos dias vou mostrando o progresso de tudo. Se você conhece alguma das plantas e sabe o nome delas, me avise e ficarei muito grata!

*Atualização da horta dia 10/11/2015
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...